Como Chegar

Encontros com o Patrimônio

No dia 1 de outubro, a Casa Fiat de Cultura promove o Encontros com o Patrimônio. O público será conduzido pelo prédio, antigo Palácio dos Despachos, com o acompanhamento da equipe do Programa Educativo que abordará conteúdos artístico, histórico e arquitetônico. O encontro acontece nos horários de 10h30, 14h e 16h, com grupos de até 25 pessoas e entrada gratuita. O programa é realizado sempre no primeiro domingo de cada mês até o fim de 2017. Não é necessário fazer inscrição e a participação é gratuita.

Com esse programa a Casa Fiat de Cultura pretende ampliar o acesso ao patrimônio. “O público conhecerá a história do edifício, será estimulado a observar como o uso social do patrimônio se transforma ao longo do tempo, e a refletir sobre o papel da comunidade neste processo”, ressalta a Coordenadora do Programa Educativo Clarita Gonzaga. A atividade parte do conceito contemporâneo de que existem dois tipos de patrimônio: material e imaterial. O patrimônio material é aquele construído manualmente: as obras de arte e as edificações. Já o patrimônio imaterial é formado pelo comportamento social: práticas festivas, religiosas e tradições em geral. Seguindo esse conceito mais amplo de patrimônio, a Casa Fiat de Cultura se responsabiliza não apenas em manter o edifício histórico conservado, mas também em permitir que a comunidade utilize este bem cultural para que ele continue fazendo parte da memória coletiva da cidade.

O percurso inicia com a história da construção do Palácio dos Despachos, onde anteriormente funcionava a sede administrativa do Governo do Estado, até a instalação da Casa Fiat de Cultura, em 2014, para se integrar ao Circuito Liberdade de Belo Horizonte. Passando pelo painel de Portinari, serão abordados os aspectos históricos e artísticos da obra, assim como o processo de restauração da pintura. A visita termina nos jardins da Casa Fiat de Cultura, onde fica a Capela de Santana. Será abordado o estilo arquitetônico do edifício;  o público descobrirá como a história de sua construção se mistura ao imaginário popular em uma lenda urbana;   e poderá perceber a transformação de seu uso social: o espaço que até 2014 era reservado apenas para cerimônias oficiais, hoje abriga celebrações abertas à comunidade por iniciativa da Casa Fiat de Cultura. Além disso, a capela é, atualmente, palco para corais e orquestras de câmara que se apresentam no programa Música na Capela.Encontros com o Patrimônio

Serviço
Data:
 1 de outubro
Horários: 10h30, 14h e 16h
Participação gratuita: não é necessário fazer inscrição; limite de 25 pessoas por horário.

Balklänning Robe De Mariée Robe De Mariée Balklänning