Como Chegar

ROMA – A Vida e os Imperadores

A Exposição

A exposição “Roma – A Vida e os Imperadores” abre a programação da Casa Fiat de Cultura no Momento Itália Brasil 2011-2012, ao apresentar a história e vida dos imperadores e do povo de Roma, por meio da arte, da arquitetura triunfal, das cerimônias de poder, da vida cotidiana dos romanos, das célebres conquistas e da opulência do Império. Com curadoria de Guido Clemente, a exposição introduz, de forma inédita na América, fatos e personagens da sociedade romana nos primeiros três séculos do Império, de Júlio César (44 a.C.) e Augustus (falecido em 14 d.C.) até Septímio Severo (193-211) e seu filho Caracala (211 – 218).

A exposição conta com 370 obras originais, entre esculturas, mosaicos, joias, cerâmicas, afrescos, adornos, vestimentas e objetos do dia-a-dia, provenientes de importantes museus da Itália. Roma – A vida e os imperadores está organizada em quatro núcleos: “Entre César e Augusto: o nascimento do Império”; “Nero”; “O apogeu do Império”; e “Um Império multicultural”. Entre os destaques, estão três paredes com afrescos da Vila de Pompéia, as estátuas de Júpiter, de Lívia (esposa de Augusto) e da deusa Isis, a Cabeça Colossal de Júlio César em mármore, máscaras teatrais, escultura de Calígula, Armadura de Gladiador, Desenhos do Coliseu, a Lamparina de Ouro e cerca de 60 joias.

Núcleos

“Entre César e Augusto: o nascimento do Império” – Apresenta a dinastia, a vida e o legado de Júlio César (século I a.C. a III d.C), assim como a guerra dos romanos e a conquista da Gália. Neste núcleo, o público conhece, ainda, grandes monumentos e estátuas romanas. Além disso, conta com referências a Augusto, assim como à religião e à fundação da cidade que se tornaria legendária.

“Nero” – O luxo e a opulência que marcaram o legado do imperador Nero, tornado soberano aos 17 anos, estarão presentes neste núcleo. Exemplificada pelo grande número de joias em ouro, prata e esmeraldas, objetos do cotidiano de grande valor e elementos que fazem referência ao universo feminino da época, a riqueza exacerbada eleva Roma, ainda mais, ao status de Império imponente e consolidado.

“O apogeu do Império” – No centro de discussão deste núcleo, estão os jogos do Circo e do Coliseu. Neles, a força e o poder se misturam com gladiadores e grandes lutas. Trata-se das atividades de “pão e circo”, que eram parte da rotina dos romanos nos tempos áureos do Império, sendo representadas, também, na arquitetura, nas atividades domésticas e cotidianas dos que lá viviam. Por isso, imagens e artefatos da cidade e do comércio da época, bem como retratos de imperadores e familiares também fazem parte desta parte da exposição.

“Um Império multicultural” – A última parte da exposição explora as variadas origens dos costumes romanos. Tendo dominado vastas regiões de distintas etnias, em três continentes diferentes – Europa, África e Ásia –, as religiões (como sincretismo de deuses e introdução de novos cultos, como Mitra e Isis), os elementos de culturas regionais (de tribos africanas e comunidades asiáticas) e a miscigenação de povos foram fundamentais para a formação da sociedade romana.

Educativo

A cada exposição, a Casa Fiat de Cultura desenvolve um programa educativo para atender a todos os setores da sociedade: crianças, jovens, adultos, estudantes das redes pública e privada e grupos como associações e ONGs, entre outros. É um dos diferenciais de suas visitas orientadas e um motivo a mais para conhecer a mostra “Roma – A Vida e os Imperadores”.

Com concepção da educadora Daniela Chindler, o Programa Educativo da mostra contará com uma equipe de aproximadamente 30 educadores multidisciplinares. Com roteiros variados, pensados para cada tipo de público, a intenção é mostrar como a formação da sociedade atual foi pensada no período imperial de Roma, promovendo links entre o passado e a atualidade de forma interativa e divertida. “O aprendizado acontece por meio da troca de conhecimento, do prazer e do olhar em conjunto. O Programa Educativo da Casa Fiat de Cultura quer que a visita não seja apenas informativa, e sim investigativa, instigando o público a pensar a história como algo prazeroso”, explica Chindler.

O agendamento para grupos, escolas e assessoria ao professor poderá ser feito pelo telefone (31) 3289-8910 ou pelo e-mail: agendamento@casafiat.com.br

Além das visitas de grupos e instituições, o Programa Educativo oferece também visitas temáticas para o público e para as famílias nos finais de semana, sem necessidade de agendamento.

Palestras

20/10 – 19h30

Palestra: O império romano no seu apogeu
Palestrante: Guido Clemente, Universidade de Florença (UNIFI)
Sinopse: O império romano atingiu sua maior expansão entre os séculos I e III da nossa era, cobrindo um território que se estendia do oceano Atlântico ao atual Afeganistão, da Inglaterra ao norte da África. Esta palestra apresentará os principais aspectos políticos, sociais e culturais desse vasto império. Em particular, afrontaremos as seguintes questões: como e por quem o império era governado? Como funcionavam as cidades? Como foi possível a criação de um império que englobava povos tão diferentes com relação à cultura, língua, direito e religião?

27/10 – 19h30

Palestra: Roma antiga como modelo no Renascimento
Palestrante: Patrícia Dalcanale Meneses, Universidade Federal de Juiz de Fora, (UFJF)
Sinopse: O Renascimento italiano é geralmente visto como um retorno à Antiguidade clássica, em particular, ao império romano. Todavia, a relação dos homens do Renascimento com a herança romana é muito complexa e, não raro, ambígua. Esta palestra tem como objetivo apresentar a importância do legado de Roma antiga para a arte e a política do Renascimento.

03/11 – 19h30

Palestra: A literatura latina
Palestrante: Antônio Martinez Rezende, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Sinopse: Resumo: Estudar a literatura latina é participar, de modo muito especial, do universo humano, em uma extraordinária dimensão. Os romanos souberam traduzir e gravar em palavras, com refinada percepção, os mais variados movimentos e sentimentos da alma humana; exploraram todos os gêneros literários conhecidos até então, e souberam fixar em língua latina um “monumento mais perene que o bronze”.

10/11 – 19h30

Palestra: A escravidão em Roma
Palestrante: Fábio Duarte Joly, Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)
Sinopse: A palestra apresentará as linhas gerais do desenvolvimento da escravidão na Roma antiga, da República ao Império, prestando particular atenção aos processos de escravização e alforria, bem como as suas respectivas conseqüências sociais, econômicas e políticas. Neste panorama serão indicadas as principais interpretações defendidas pelos estudiosos do tema e as possibilidades de pesquisa ainda abertas.

17/11 – 19h30

Palestra: A economia romana
Palestrante: Júlio César Magalhães de Oliveira, Universidade Estadual de Londrina (UEL).
Sinopse: Hoje sabemos que os romanos produziram bens, inclusive os mais banais, de alta qualidade e em grande quantidade e os distribuíram em todos os níveis da sociedade, atendendo não apenas ao mercado de luxo aristocrático, mas também ao consumo de massa em um mundo verdadeiramente “globalizado”. O objetivo desta conferência é discutir, à luz dos trabalhos arqueológicos recentes, como e por que essa sofisticação econômica se tornou possível durante o Império Romano.

24/11 – 19h30

Palestra: O estudo da história com textos e imagens: o exemplo de Agripina menor
Palestrante: Fábio Faversani, Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)
Sinopse: Agripina Menor era irmã do imperador Calígula, casou-se com o seu sucessor, Cláudio, e era a mãe do imperador Nero. Estando no centro do poder por longo período, ela foi uma personagem largamente documentada. Ela aparece na literatura como uma pessoa com desejos desmedidos e causadora de muitos conflitos, mas sua representação nas fontes materiais afasta-se muito dessa imagem negativa. O objetivo dessa palestra é mostrar algo da imensa diversidade documental disponível para aqueles que queiram estudar a história de Roma e alguns dos desafios colocados para a sua interpretação.

01/12 – 19h30

Palestra: A imagem dos bárbaros na arte romana
Palestrante: Matheus Coutinho Figuinha, Scuola Normale Superiore de Pisa
Sinopse: Nesta palestra, faremos um estudo das principais características da representação dos bárbaros na arte romana. Nosso foco não será sobre os bárbaros reais, nem sobre a relação entre eles e os romanos, mas sobre estereótipos. Veremos, em primeiro lugar, a representação dos bárbaros em batalha; em seguida, o momento após a vitória dos romanos, assinalado pelo triunfo destes e a humilhação dos bárbaros; e, finalmente, as relações entre bárbaros e a escravidão.

06/12 – 19h30

Palestra: De capital imperial a cidade cristã: Roma na Antiguidade Tardia
Palestrante: Carlos Augusto Ribeiro Machado, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)

Sinopse: Entre o final do século III e o final do século V d.C. a cidade de Roma passou por uma de suas mais importantes transformações. O progressivo distanciamento da corte imperial e a afirmação da Igreja como instituição dominante no cenário urbano foram acompanhados por desenvolvimentos que envolveram a história social, política, econômica e cultural da cidade. Nesta palestra iremos explorar as relações entre estas mudanças e as transformações ocorridas na arquitetura e urbanismo da cidade, dando especial ênfase à transformação da antiga capital imperial em centro da vida cristã no Ocidente.

Comitê Científico

Guido Clemente
José Antônio Dabdab Trabulsi
Fábio Faversani
Carlos Augusto Ribeiro Machado

Comissão Organizadora

Guido Clemente
Matheus Coutinho Figuinha
Fábio Duarte Joly

Apoio

Fapemig
Instituto Italiano

Cinema

(Spartacus, EUA, 1960)

Dias: 08 de outubro e 12 de novembro, às 15h
Sinopse: ”Spartacus” conta a história do escravo que desafiou o Império romano em nome da liberdade. Revoltado com a obrigação de ser gladiador e matar homens para divertir os poderosos, Spartacus lidera uma revolução de escravos que termina por tomar metade da Itália.
Direção: Stanley Kubrick
Elenco: Kirk Douglas, Laurence Olivier, Jean Simmons
Duração: 184 minutos

Ben Hur – (Ben-Hur, EUA, 1959)

Dias: 09 de outubro e 13 de novembro, às 15h
Sinopse: Traído por seu amigo Messala, Ben-Hur, o príncipe da Judéia, é enviado às galés onde se torna um escravo. Ao ser adotado por um nobre romano, planeja a sua vingança.
Direção: William Wyler
Elenco: Charlton Heston, Jack Hawkins, Haya Harareet
Duração: 212 minutos

Gladiador – (Gladiator, EUA, 2000)

Dias: 15 de outubro e 19 de novembro, às 15h
Sinopse: General de guerra é favorito para a sucessão do trono romano, mas herdeiro biológico mata o pai e condena o rival a se tornar escravo gladiador.
Direção: Ridley Scott
Elenco: Russell Crowe, Joaquin Phoenix, Connie Nielsen
Duração: 154 minutos

Cleopatra – (Cleopatra, Inglaterra, EUA, Suíça, 1963)

Dias: 16 de outubro e 20 de novembro, às 15h
Sinopse: Cleópatra, a Rainha do Egito, usa sua beleza para atrair Marco Antônio… e a inteligência para conquistar o poder do Império Romano.
Direção: Joseph L. Mankiewicz, Rouben Mamoulian, Darryl F. Zanuck
Elenco: Elizabeth Taylor, Richard Burton, Rex Harrison
Duração: 192 minutos

A Queda do Império Romano – (The Fall of the Roman Empire, EUA, 1964)

Dias: 22 de outubro e 26 de novembro, às 15h
Sinopse: Super produção que reconstitui a queda do Império Romano, apresentando desde o conturbado processo político até o cotidiano da população, que se divertia vendo as tradicionais corridas de bigas e os gladiadores nas arenas do Coliseu.
Direção: Anthony Mann
Elenco: Sophia Loren, Stephen Boyd, Alec Guinness
Duração: 188 minutos

Calígula – (Caligola, Itália, EUA, 1979)

Dias: 23 de outubro, às 15h
Sinopse: A vida devassa do imperador romano Calígula, lembrado através dos anos pelas insanidades, perversões e orgias que praticava. Causou grande polêmica pelas cenas de sexo explícito.
Direção: Tinto Brass, Bob Guccione, Giancarlo Lui
Elenco: Malcolm McDowell, Teresa Ann Savoy, Guido Mannari,
Duração: 156 minutos

Julio Cesar – (Julius Caesar, EUA, 1953)

Dias: 29 de outubro e 27 de novembro, às 15h
Sinopse: Quando César é assassinado, Marco Antonio faz um inflamado discurso para reverter a situação, e os conspiradores são obrigados a fugir. A partir de então dois exércitos são formados: um comandado por Marco Antonio e Otávio o outro por Cássio e Brutus.
Direção: Joseph L. Mankiewicz
Elenco: Marlon Brando, James Mason, John Gielgud
Duração: 120 minutos

A Paixão de Cristo – (The Passion of the Christ, EUA, 2004)

Dias: 30 de outubro, às 15h
Sinopse: O filme retrata as últimas 12 horas na vida de Jesus Cristo. Escrito e dirigido por Mel Gibson, é falado inteiramente em aramaico e latim.
Direção: Mel Gibson
Elenco: James Caviezel, Maia Morgenstern, Christo Jivkov
Duração: 127 minutos

Satyricon – (Fellini – Satyricon, Itália, 1969)

Dias: 05 de novembro, às 15h
Sinopse: Adaptação do livro homônimo, acompanha a jornada tragicômica de dois amigos na Roma Antiga, que se separam, depois se reúnem, sobrevivem a um terremoto e ajudam um semideus hermafrodita.
Direção: Federico Fellini
Elenco: Martin Potter, Hiram Keller, Max Born
Duração: 128 minutos

Astérix & Obélix contra César – (Astérix et Obélix contre César, França, Alemanha, Itália, 1999)

Dias: 06 de novembro, às 15h
Sinopse: Uma pequena aldeia gaulesa é o único centro de resistência aos cobradores de impostos de Roma. O imperador Júlio César decide ir até lá, para descobrir o segredo dos invencíveis bárbaros.
Direção: Claude Zidi
Elenco: Christian Clavier, Gérard Depardieu, Roberto Benigni
Duração: 109 minutos

Serviços

Exposição “Roma – A Vida e os imperadores”
Período: 21 de setembro a 18 de dezembro de 2011
Local: Casa Fiat de Cultura – Rua Jornalista Djalma Andrade, 1250 – Nova Lima – MG
Horários: Terças a sextas, de 10h às 21h
Sábados, domingos e feriados, de 14h às 21h
Entrada e transporte gratuitos
Informações: 31 3289-8900 e www.casafiatdecultura.com.br

Visitas orientadas para grupos e escolas: 31 3289-8910 e agendamento@casafiat.com.br

Balklänning Robe De Mariée Robe De Mariée Balklänning